BIO

[EN]
Jorge Marques, lead vocals. Paulo Barros, guitars and vocals. José Aguiar, bass and vocals. Luís Barros, drums, keyboards and vocals.

Portuguese heavy metal group from Valadares (Gaia - Oporto) formed in 1981 by Luís and Paulo Barros initially under the name Mac Zac. In 1985 after a significant line-up change a new and definitive moniker was adopted; TARANTULA.

So far TARANTULA published eight studio albums - the most recent; "Spiral of Fear". Toured and did innumerous concerts as headliners and as a support act for some of the most revered artists (Deep Purple, Motorhead, Testament, Manowar, Helloween, Gamma Ray...), literally built their own recording facility - Rec 'n' Roll Studios, and a music school.

Along with the production duties in TARANTULA, multi-instrumentalist and recording engineer Luís Barros, taught and recorded hundreds of portuguese newcomers during the last three decades. He also takes credit for the musical direction and the recording process in Paulo Barros solo albums - a fourth instrumental proposal is on its way.

Besides his leading role in TARANTULA, his teaching appointments and his solo enterprise, including some gigs as an opening artist for Slash (Guns 'n' Roses) and Joe Satriani, Paulo Barros conducted a couple of Disney musical plays in straight collaboration with his band mates; the bassist José Aguiar and the singer and lyricist Jorge Marques - also a well-regarded painter.
 
[PT]
Formação
Jorge Marques, voz. Paulo Barros, guitarra e voz. José Aguiar, baixo e voz. Luís Barros, bateria, teclados e voz.

TARANTULA (sem acento circunflexo na segunda vogal)
Banda de heavy-metal portuguesa estabelecida em Valadares, Vila Nova de Gaia, pelos irmãos Paulo e Luís Barros no ano de 1985 no seguimento da reformulação do grupo Mac Zac, criado em Outubro de 1981.

Mac Zac (1981-1985)
Estreiam-se a 19 de Dezembro de 1981 no Pavilhão do Cevadeiro (VF Xira) na ''Grande Maratona do Rock Português''.
Em 1982 fazem duas actuações na Alemanha (RFA); Frankfurt e Offenbach.
No ano de 1983 gravam a única maqueta e a 15 de Dezembro de 1984 encerram este capítulo no primeiro ''Festival de Heavy-Metal Português'', realizado em Santo António dos Cavaleiros, Loures.

TARANTULA
Em 1985 produzem a primeira fita-demonstração que é apresentada a 10 de Outubro desse ano no Rock Rendez-Vous, Lisboa.
No início de Maio de 1986 circula nos existentes canais de divulgação a segunda demo (ainda em suporte magnético) e a 23 de Novembro de 1987 chega finalmente aos escaparates o aguardado longa duração ''Tarantula'', com o selo Transmédia (José Afonso, Júlio Pereira, Banda do Casaco...); o primeiro disco do género totalmente gravado e produzido por um colectivo luso e publicado a nível nacional.

Em 1990 gravam em estúdio próprio (Rec 'n' Roll) o segundo trabalho de originais "Kingdom of Lusitania" com distribuição PolyGram (Universal). Luís Barros assina a produção.

No ano de 1993 chega ao mercado "Tarantula III" pela Numérica (António Victorino D'Almeida, Jorge Rosado, Carlos Zíngaro...). Dois anos depois (1995) e ainda pela mesma editora é disponibilizado ''Freedom's Call''.

No Verão de 1998 Paulo Barros lança o seu primeiro trabalho a solo ''Vintage'' e no final da década de noventa (1999) ''Light Beyond the Dark'', o quinto álbum de originais de TARANTULA, é publicado pela AFM Records (Fear Factory, Danzig, U.D.O...) esta companhia editaria posteriormente ''Dream Maker'' em 2001 e quatro anos volvidos (2005) ''Metalmorphosis''. Pelo meio, na Primavera de 2003, ''Gemini'' a segunda aposta em nome próprio do guitarrista e co-fundador deste quarteto de Valadares é distribuído pela Point Music (Vicious Rumors, Harem Scarem, Rough Silk...).

''K:arma 6'', o terceiro disco de originais de Paulo Barros é apresentado a 30 de Setembro de 2007 no Coliseu do Porto na primeira parte do programa de dois dias encabeçado por Vicente Amigo; ''Coliseu GuitarFest'', uma produção comemorativa do Dia Mundial da Música (1 de Outubro). De seguida e até ao final de 2009, Paulo Barros e Jorge Marques assumem a direcção musical e vocal, respectivamente, de algumas peças com a chancela Disney; ''Peter Pan'', ''O Livro da Selva'' e ''High-School Musical''.

No final de 2010 ''Spiral of Fear'', o oitavo registo do grupo é colocado à venda em Portugal e re-editado dois anos mais tarde (2012) em formato especial para o mercado internacional via IceWarriors Records (Faster Pussycat, Thunderbolt, ToxicRose...).

Em processo de finalização e com edição prevista para breve está a quarta proposta a solo de Paulo Barros.

Entre as diversas actuações de TARANTULA e de Paulo Barros, aqui e além fronteiras, as participações em cartazes repartidos com alguns dos maiores e mais respeitáveis nomes do vasto universo rock; Deep Purple, Motorhead, Testament, Helloween, Manowar, Gamma Ray, Stratovarius, Slash, Joe Satriani...

Jorge Marques, revisão.